Sobre o autor

Artigos populares

Siga-nos

Faça parte da nossa Newsletter e fique atualizado(a)

Receba toda semana as novidades do nosso blog diretamente em seu e-mail.

Banho em recém-nascido no chuveiro, pode?

Todos que já foram pais pela primeira vez, com certeza, deve ter ouvido falar que bebês não podem tomar banho de chuveiro até determinada idade pelo risco de otite (água entrar no ouvido e provocar inflamação). E um momento que era para ser relaxante e prazeroso para os pais, o banho, se torna receoso e tenso.

Todos que já foram pais pela primeira vez, com certeza, deve ter ouvido falar que bebês não podem tomar banho de chuveiro até determinada idade pelo risco de otite (água entrar no ouvido e provocar inflamação). E um momento que era para ser relaxante e prazeroso para os pais, o banho, se torna receoso e tenso.

Mas é preciso desmistificar essa crença e entender que não é bem assim.

Há muito criou esse mito, mas a verdade é que bebês podem tomar banho de chuveiro desde que nascem, pois o formato da orelha é desenhado justamente para não acumular água. Não se preocupe, entrar uma pequena quantidade de água nos ouvidos do bebê não tem problema, afinal, o mesmo poderia acontecer na banheira. Também não é necessário colocar algodão nos ouvidos.

Quando vamos dar banho de chuveiro seguramos o bebê na vertical, aquela posição de sapinho/canguru que eles tanto amam ficar. Dessa forma, a água que escorre pela cabeça não se acumula na região do ouvido, escoando naturalmente.

 

Alguns dos benefícios

  • ajuda no fortalecimento imunológico do recém-nascido;
  • faz bem para o emocional do bebê o contato com a pele dos pais;
  • cria uma conexão mais forte entre mãe/pai e filho;
  • aumenta o vínculo afetivo;
  • o som do chuveiro lembra os ruídos do útero, por isso ajudam a acalmar o bebê.

Já pensou que acostumar o baby desde cedo com os respingos de água no rosto vai lhe poupar muitos sustos no futuro, quando começar a frequentar piscinas para recreação ou até mesmo natação?!

Banho de chuveiro é super prático, pois não exige preparo algum, mas uma coisa é certa: ecologicamente falando ele não traz nenhuma vantagem quanto ao banho de banheira ou balde! Então não se esqueça de ser breve no banho e não deixar a água muito quente para não prejudicar a pele do bebê ou estimular a formação de crosta láctea!

Assine a nossa Newsletter

Cadastre seu email no campo abaixo e receba toda semana as novidades do nosso blog.

Deixe um comentário

Artigos relacionados

Blog

Compressa de repolho: a escolha certa para quem amamenta

Quando o processo de amamentação se inicia, é normal que surja dores e incômodos nos primeiros dias de mamada, apesar de passar após uns meses, é normal que algumas mulheres recorram a procedimentos para que alivie os sintomas. Mas você sabia que existe uma forma simples, caseira e comprovada que ajuda na diminuição da dor e do inchaço?

Ler artigo »
Blog

Laserterapia trata mastite? Entenda

A mastite é uma inflamação na glândula mamária, seguida de infecção por bactérias, em geral, por estafilococos, embora outros micro-organismos patogênicos possam estar envolvidos.

Ler artigo »

Somos uma empresa pensada para oferecer suporte e cuidados ás famílias, através de conexão com profissionais especializados no cuidado materno-infantil.

Contato

Copyright 2021 - SOS Primeiros Dias - Todos os direitos reservados

feito com porAgência 2in1